testando

Flor de Lótus...significado de suas cores...



A Flor de Lótus tem cinco cores diferentes, e cada uma delas
tem uma interpretação espiritual.

A flor que surge no meio da lama e sujeira representa o ato de ascender à luz
acima de todos os desejos e apegos. 

 Segundo o budismo, este é o caminho para atingir a iluminação espiritual.
 Embora a flor tenha suas raízes na lama, ela cresce direcionada para a luz. 

Acredita-se que ela representa a aspiração de crescer, mudar e mover-se em direção à luz. 

A flor de lótus, portanto, simboliza a jornada da escuridão (representada na lama) 
para o conhecimento e a sabedoria, representadas pela luz.

Flor de Lótus Branca


Esta flor encantadora é uma das mais reverenciadas em todo o mundo, e todos referem-se a ela como "o ventre do mundo". Representa a pureza da mente, a calma e a serenidade da natureza humana e a perfeição espiritual. 

Flor de Lótus Rosa


A delicada lótus cor de rosa está associada a diversas divindades em diferentes culturas, e representa também o símbolo de Buda na Terra. Acredita-se que ela denota a mente de uma pessoa - quando está fechada, representa a fase de transição que ocorre no caminho em direção à espiritualidade, enquanto a flor já aberta com todo o seu esplendor representa a iluminação. Isso explica o porquê de muitos deuses e deusas hindus, assim como Buda, serem usualmente retratados sentados sobre uma lótus rosa.

Flor de Lótus Vermelha


A lótus vermelha representa o coração e simboliza amor altruísta, paixão, compaixão e bondade. Uma lótus vermelha toda aberta simboliza um coração muito grande e generoso.

Flor de Lotus Azul



Esta linda lótus representa sabedoria e conhecimento, e também a vitória acima de tudo. Tem um significado muito especial e sagrado na cultura do Egito Antigo, e é bastante difícil encontrá-la. A lótus azul descreve uma pessoa que tem total controle sobre sua mente e espírito, possibilitando-a passar por cima de aspirações e desejos materiais na vida.

Flor de Lótus Roxa


A mística lótus roxa está associada ao esoterismo, e é retratada tanto aberta como ainda em forma de botão ou broto. Suas oito pétalas representam oito nobres caminhos - um dos principais ensinamentos de Buda. Acredita-se que seguir este caminho é a chave para o despertar próprio.

"Assim como a flor de lótus, nós também temos a capacidade de nos levantarmos da lama, florescer da escuridão e irradiar para o mundo."